Campinas conquista 1º lugar no Connected Smarts Cities 2019

17/9/2019

Campinas é considerada a cidade mais inteligente do Brasil segundo o ranking Connected Smarts Cities realizado pela Urban Systems em parceria com a Sator e anunciado nesta terça-feira (17/set) no Shopping Frei Caneca, em São Paulo. Participaram da elaboração do ranking mais de 700 municípios.

Em 2018, a cidade figurava no ranking na quarta colocação e teve que supercar as três que estavam à sua frente que eram Curitiba, São Paulo e Vitória (ES), primeira, segunda e terceira, respectivamente.

Esta é a primeira vez que o estudo elege uma cidade não capital como líder do ranking, já que, em 2015, a primeira colocação ficou com o Rio de Janeiro, nos dois anos seguintes com São Paulo e, em 2018, com Curitiba. A pontuação máxima deste ano é de 69,5. Campinas registrou 38,977 pontos.

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, ressaltou que a elaboração de um plano estratégico decenal – o PECCI (Planejamento Estratégico de Ciência, Tecnologia e Inovação), com planejamento traçado até 2029 – fez a diferença para que a cidade alcançasse esse resultado. “Trouxemos a sociedade para pensar como projetar a nossa cidade. Outro passo importante foi envolver estudantes, escolas, criar uma conscientização de uma cidade diferenciada. A Prefeitura funcionou como um amálgama, juntou forças e estabeleceu metas para aferirmos, a cada ano, se estávamos no caminho certo”, analisou. “Fico muito feliz de ter esse reconhecimento por parte da Urban Systems. Lembrando que fizemos um norte pelas campanhas que foram colocadas pela Urban Systems, que nos permitiram focar nessas políticas públicas para que Campinas atingisse este resultado”.

Connected Smarts Cities é o principal estudo sobre cidades inteligentes do Brasil. As cidades são analisadas a partir de 70 indicadores dos 11 eixos temáticos: mobilidade, urbanismo, meio ambiente, energia, tecnologia e inovação, economia, educação, saúde, segurança, empreendedorismo e governança. O ranking tem como objetivo definir as cidades com maior potencial de desenvolvimento no Brasil.

O presidente da IMA, Fernando Garnero, destacou a importância das realizações da empresa para alcançar o primeiro lugar no ranking nacional. “Campinas é uma cidade conectada. Estamos construindo um anel de fibra óptica na cidade interligando todos os prédios públicos. São 25 secretarias municipais, 120 unidades da saúde, 400 unidades da educação, quase 500 mil atendimentos ao cidadão por mês. Temos a internet gratuita com 46 pontos pela cidade e dois milhões de usuários/mês. Na área de TI, atualmente, nenhuma outra cidade investe mais que Campinas nesse momento”, afirmou.

Ele lembrou também que a IMA recebeu a incorporação dos dois pólos de alta tecnologia da Ciatec e ressaltou a importância da elaboração do PECCI. O planejamento foi aprovado e é aplicado pelo Conselho Municipal de Ciência e Tecnologia independentemente de mudança de governo ou não.

O anúncio da classificação atual foi feito pelo diretor de Marketing da Urban Systems, Willian Rigon, na abertura do evento que leva o mesmo nome do ranking, Connected Smarts Cities. As cinco primeiras colocadas são: 1º Campinas/SP; 2º São Paulo/SP; 3º Curitiba/PR; 4º Brasília/DF e 5º São Caetano do Sul/SP.

A metodologia empregada e a classificação geral podem ser consultadas no site:https://www.connectedsmartcities.com.br/2019.

 

Ir para topo