Avanço e inovação na gestão em seis meses de 2017

Ao completar 41 anos, em julho, a IMA completa também seis meses de uma nova gestão administrativa focada em novos negócios, produtividade, agilidade, responsabilidade e inovação. É uma das primeiras empresas públicas a criar uma diretoria de compliance visando aumentar a transparência e se adequando à exigente legislação que rege as empresas estatais.

O presidente da IMA, Fernando Garnero, destaca que as mudanças ocorreram com o apoio do prefeito Jonas Donizette e do Conselho Administrativo que endossaram as ações realizadas no intuito de dar nova força à empresa investindo na inovação.

“Demos um salto quando investimos na parceria com a Associação Paulista de Municípios (APM) e o CPqD para atender os municípios dentro do conceito de cidades inteligentes”, afirma Garnero. A parceria proporcionou um amplo relacionamento com mais de 600 municípios paulistas e a troca de tecnologias com o CPqD.

Mais de 100 municípios procuraram pela IMA após essa parceria, dos quais 50 estão se relacionando de alguma forma sendo que Valinhos trabalha na aprovação da minuta que resultará no primeiro contrato efetivo para fornecimento de serviços àquela cidade (Gerenciamento Eletrônico de Dados, Diário Oficial do Município e Servidor de E-mail).

Outras instituições públicas, ligadas à segurança, também procuraram os serviços da IMA. A empresa tem mantido contato com a Polícia Federal, Polícia Militar e Guarda Municipal, além de universidades onde tem obtido apoio tecnológico, juntamente com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, CPqD e Softex.

Para atender à crescente demanda com a qualidade reconhecida da IMA, foi feita uma reestruturação na área técnica com a designação de novas funções para estar apta a desenvolver soluções tecnológicas inteligentes para a Prefeitura de Campinas – sua maior cliente – assim como todas as demais que vierem a contratar seus serviços, se igualando às grandes empresas de TI públicas ou privadas.

“A reestruturação na nossa área comercial, chamada de Novos Negócios, com uma nova equipe, levou mais agilidade dentro do processo de vendas”, diz o presidente. Foi criada também a Gerência de Relações Institucionais para dar suporte às relações governamentais com todo o Brasil.

A IMA participa do processo de aprovação, junto com o CPqD, de uma linha de crédito de R$ 80 milhões obtido pelo PMAT. O Programa de Modernização da Administração Tributária e da Gestão dos Setores Sociais Básicos (PMAT) é um programa do BNDES destinado a apoiar projetos de investimentos voltados à melhoria da eficiência, qualidade e transparência da gestão pública, visando a modernização da administração tributária e qualificação do gasto público nos municípios.

Nesse sentido, uma das gerências atua na captação de recursos – e dando suporte à Prefeitura de Campinas – em parcerias e convênios com instituições que possuam destinação à área de tecnologia. Os contatos estão sendo mantidos com o Desenvolve São Paulo, BNDES, Banco Mundial, BID e bancos privados.

Outra inovação apresentada nesses seis primeiros meses de 2017 pela IMA foi o credenciamento para se tornar uma Autoridade de Registro, podendo fornecer certificados digitais. O processo está em fase final de aprovação e, quando implantado, deverá emitir cerca de 12 mil certificados no período de 12 meses.

A evolução do Portal do Cidadão, com o lançamento de sua versão mobile, importante ferramenta que será entregue pelo prefeito Jonas Donizette durante o aniversário de Campinas, também tem a participação da IMA. Pelo menos 10 aplicativos desenvolvidos pela empresa estarão à disposição, de forma fácil, para a população, em parceria com a Secretaria Municipal de Gestão e Controle. Esse aplicativo já está sendo desenvolvido dentro do conceito de “cidades inteligentes” e terá serviços como 156, CPAT Vagas, IPTU Mobile, Procon, Adoção de Animais, Consulta de Multas, entre outros.

Para interagir com a sociedade, a IMA realiza nesse ano o 2º Hackathon, uma maratona de hacker do bem que tem como objetivo aproveitar as melhores ideias de talentos anônimos, a partir de 14 anos de idade, nos segmentos de mobilidade, saúde, segurança, educação, tecnologia assistiva e meio ambiente. Os 40 participantes terão 24 horas para apresentar algum produto tecnológico que crie facilidades para o cidadão.

Um dos maiores desafios da IMA nesses seis primeiros meses do ano foi o de duplicar o número de usuários do sistema Campinas Digital, elevando de 1,2 milhão para 2,4 milhões. Para isso, está levando a rede de wifi gratuita para a Lagoa do Taquaral, Rua 13 de Maio e Terminal Central Viaduto Cury.

Implantado em 2009, o Campinas Digital possui 20 pontos de distribuição de sinal wifi. Com apenas três novos pontos a IMA vai duplicar a “audiência” por se tratar de locais estratégicos, com grande circulação de pessoas. “Em 2016 Campinas era a décima colocada no ranking de cidades inteligentes e saltou para a oitava posição nesse ano, sendo a primeira em todo o país que não é capital de estado”, destaca Garnero.

Em parceria com a ACIC – Associação Comercial e Industrial de Campinas, a IMA iniciou estudos para implantar a rede wifi gratuita na Praça da Concórdia, no distrito do Campo Grande. A solicitação foi feita pela vice-presidente da ACIC, Adriana Flosi, e o presidente da IMA imediatamente solicitou o início do estudo de viabilidade.

Para subir mais ainda no ranking, e proporcionar melhor serviço para o cidadão campineiro, a IMA finaliza o processo para a contratação por meio de parceria público privada (PPP) de instalação de outros 44 locais na cidade. Pelo edital que está sendo elaborado, a monetização do serviço se dará por meio de venda de espaço publicitário no portal de acesso à rede de wifi, sem gerar custos ou despesas de implantação para o município.

Aproveitando o tema, a IMA está interligando os Centros de Saúde com rede de fibra ótica. As 14 unidades espalhadas pela cidade terão acesso rápido aos prontuários dos pacientes, independentemente da região em que ele for atendido, melhorando o diagnóstico e agilizando o atendimento ao cidadão.

E por falar em saúde pública, não se pode esquecer da saúde financeira da empresa. O controle de despesas é essencial para qualquer administração pública ou privada. A IMA adotou regras e procedimentos rígidos para atravessar esse momento crítico da economia nacional. Criou o Comitê Gestor de Gastos, engrenagem de suma importância nessa potente máquina de desenvolvimento que é a IMA.

A meta adotada foi a de reduzir custos sem redução no quadro de colaboradores. As medidas implantadas, associadas à captação de recursos, estão amenizando os efeitos da escassez de recursos e possibilitando investimentos.

No âmbito da integração com a sociedade, a IMA realizou importantes painéis de debate sobre assuntos do momento e de grande interesse público. Cidades Inteligentes e Segurança Pública foram temas que atraíram palestrantes internacionais, engenheiros, empresas de segurança do Canadá e Israel e até o Exército Brasileiro.

Os eventos foram realizados no Teatro IMA Cultural que nesse ano ganhou uma ampla reforma, com a instalação de aparelhos de ar condicionado. Assim, passa a ser mais uma opção para eventos culturais de Campinas com seu amplo auditório que recebe até 590 pessoas.

E para fechar com chave de ouro os primeiros seis meses de uma gestão focada na inovação, foi feito um estudo de marca e a IMA passou a contar com uma nova identidade visual. A nova logomarca IMA é vista pelas lentes do design como uma agente central em uma relação tríade de cidade – tecnologia – cidadão. Quanto mais eficientes forem as soluções tecnológicas da IMA, mais equilibrada será a relação entre a cidade e o cidadão.

Ir para topo